Buscar

Por que One Piece?

One Piece, o anime de mais de 900 episódios que você com certeza evita. A história acompanha Luffy e seu bando de piratas, os quais atravessam o mundo navegando, em busca do tesouro "One Piece". Isso é um mistério até hoje, o que se sabe é que quem o encontrar se torna o Rei dos Piratas, que nada mais é que o homem mais livre do mundo - não necessariamente o mais forte ou poderoso, mas aquele que alcançou a verdade e a liberdade.



O primeiro volume foi lançado em julho de 1997 e desde então só passou a ser mais relevante, com uma proposta repleta de mistérios e personagens carismáticos, os quais você inevitavelmente cria vínculo, seja pelo tempo de tela ou a própria personalidade. Todos esses personagens têm espaço e não são esquecidos. No decorrer, do anime é possível perceber que as decisões do autor não são por acaso e tanto conceitos como personagens são introduzidos aos poucos sem você perceber (elementos que quando esclarecidos apenas acrescentam a obra). Conforme os episódios passam, o anime fica mais profundo e interessante, mantendo sempre uma expectativa alta pela sequência, sendo capaz de prender o telespectador a cada detalhe.


É simplesmente comovente a forma como Luffy é desenvolvido. Muitas vezes é taxado como clichê ou simplório quanto a sua personalidade, mas na realidade é o foco da jornada, a alma da aventura, seja no desenvolvimento como capitão, líder ou como ele pode melhorar e garantir a segurança do bando. As decisões e escolhas do capitão ao longo do caminho que moldam toda a história, todas bem colocadas formando uma narrativa encantadora.