Buscar

O impacto da obra de Sylvia Plath


“Ao seu melhor jeito brutal- e plath é uma poeta brutal- ela explora uma fonte de poder que transforma sua voz poética em um delirante vingador da feminilidade e inocência.” Thomas McClanahan.




CONTEXTO HISTÓRICO:


Sylvia Plath nasceu em 1932, e cresceu em Massachusetts, Estados Unidos.

Quando era uma jovem adulta, ela sentia na pele as tensões do “americanwayoflife” no período pós segunda guerra mundial. O papel da mulher na sociedade teve uma mudança brusca. Não era mais esperado das mulheres a trabalharem em fábricas para sustentar a família, agora, com a volta dos homens à suas casas, elas eram encorajadas a demonstrar sua delicadeza e fragilidade. Um grande ato publicitário foi promovido para convencer as mulheres que o lugar delas era em casa, e que o sentimento de realização vinha de servir, seu corpo, sua atenção, sua vida, ao homem.


Durante seu terceiro ano de faculdade, Sylvia foi convidada a ser editora na revista “Mademoiselle”, de moda feminina, em Nova York. Chegando lá ela se deparou com o imponente mundo do patriarcado. A experiência de ser uma mulher em 1950 é melhor descrita em sua alegoria a árvore de figos: “ Eu via minha vida se ramificando à minha frente como a figueira verde daquele conto. Da ponta de cada galho, como um enorme figo púrpura, um futuro maravilhoso acenava e cintilava. Um desses figos era um lar feliz com marido e filhos, outro era uma poeta famosa, outro, uma professora brilhante, outro era Ê Gê, a fantástica editora, outro era feito de viagens à Europa, África e América do Sul, outro era Constantin e Sócrates e Átila e um monte de amantes com nomes estranhos e profissões excêntricas, outro era uma campeã olímpica de remo, e acima desses figos havia muitos outros que eu não conseguia enxergar. Me vi sentada embaixo da árvore, morrendo de fome, simplesmente porque não conseguia decidir com qual figo eu ficaria. Eu queria todos eles, mas escolher um significava perder todo o resto, e enquanto eu ficava al