Buscar

Ideologia e a influência do Qanon nos EUA

Dizem que a verdade possui três faces, a sua versão, a versão do outro e a realidade de fato, que nunca é alcançada. Essa nunca é atingida pois cada um possui sua visão de mundo e é nisso que o conceito de ideologia entra. A ideologia é o óculos que você usa para enxergar o mundo. Até aí sem problema algum. Porém certas ideologias interferem negativamente na sociedade e exerce uma manipulação ao indivíduo, como a exemplo da ideologia nazista, fascista e a bola da vez é a ideologia do QAnon.


Mas afinal, o que é o QAnon? Ele é uma teoria ampla e sem fatos fundados na qual dentre as diversas conspirações, acreditam que o ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump estaria travando uma luta contra satanistas pedófilos que comandam os EUA. Como se não pudesse piorar, eles acreditam que existem pessoas, como a ex-candidata presidencial Hillary Clinton, que devem ser presas e executadas. Tal grupo possui um fanatismo tão grande que existem pessoas que mudam completamente seu jeito e lutam com garras e dentes por sua ideologia, se afastando de seus amigos e familiares que ousam contestar o Q. Um meio fácil de se perceber isso é o subreddit QAnon casualties (baixas do QAnon).


Esse aborda sobre histórias de pessoas que perderam entes devido a crença fanática deles que o fizeram se afastar de qualquer um que discordasse de suas ideologias. Tal grupo da rede social reddit possui histórias bizarras, como a história de scold cottage (usuário anônimo), no qual após diversas discussões sobre direitos de pessoas trans, passou a ser chamada de traidora comunista por sua mãe. Em todos os 37 anos da americana ela nunca havia sido chamada assim por ela, porém agora ela a chama de “brainwashed socialist”.


A mãe deu fim a relação com a moça e sua irmã após descobrir que elas haviam feito doações ao movimento BLM (black lives matter) que segundo ela seria uma perigosa organização marxista que buscava acabar com a família tradicional Americana. Entretanto a filha faz questão de falar de como sua mãe era uma pessoa centrada, possuía diploma e mestrado, a ciência reinava na sua casa. Após ser manipulada pela ideologia, ela se transformou em uma pessoa completamente diferente, tendo até sua conta do twitter bloqueada por disseminar “merdas do QAnon”. Em conclusão a história termina de modo triste onde a escritora finaliza “Sinto falta da minha velha mãe”.


Em síntese, este texto tem por objetivo mostrar não apenas sobre o QAnon, mas como uma ideologia extremista pode acabar com relações afetivas de anos de duração. Ademais é algo extremamente triste que essa seja uma entre milhares de histórias que ocorrem hoje no mundo. No qual devido à alta polaridade apenas divide entes e torna sua manipulação ainda mais fácil. Portanto é preciso separar política e causas sociais da sua vida cotidiana, Aristóteles estava certo ao dizer que o ser humano é um animal político, porém ele não é apenas isso, existem coisas muito mais importantes que política, e que se não enxergar, pode acabar perdendo tudo.