Buscar

Albert Einstein, um dos maiores gênios da humanidade.




Sua história começa no dia 14 de março de 1879, em Ulm na Alemanha. Seu pai era um pequeno industrial judeu, que em 1800 mudou-se para a cidade de Munique. Desde muito pequeno, aos seis anos, o pequenino Einstein começou a estudar violino, um instrumento pelo qual se apaixonou e seguiu com essa companhia pelo resto da vida. Logo cedo, destacou-se nos estudos que requerem uso da lógica matemática e lógica dialética, como física, matemática e filosofia.


Após a conclusão do ensino secundário em Ulm, Albert ingressou no Instituto Politécnico de Zurique, na Suíça, onde conseguiu o diploma em física. No entanto, Albert Einstein não foi um destaque, como muitos pensam, o gênio “matava” inúmeras aulas, para estudar, e isso o fez ficar com fama de vagabundo entre os seus professores. Essas suas ações, culminaram no seu desemprego após formação, pois nenhum de seus professores queriam o “vagabundo do Einstein” como seu professor assistente. Acabou sendo empregado pelo Departamento Oficial de Patentes de Berna, por indicação de um amigo.


Em meio disso, Albert encontrou Mileva Maric, com quem casou-se futuramente, a única mulher de sua classe. Conheceram-se em 1896, quando ingressaram na ETH, junto a outros oito calouros. No entanto, ela não completou os exames do curso em 1900, como os outros, para a o