Buscar

Afeganistão: o Vietnã do século 21





Olá meus queridos leitores, finalmente, eu voltei com mais um texto. UHUUUL. Enfim, nessa semana presenciamos, talvez, um dos eventos mais importantes dos últimos anos. Testemunhamos a Queda de Cabul, evento que irá fazer com que o país volte quase 200 anos no tempo. Bom, se vocês não se lembram, a fase atual que a guerra passava, era a guerra ao terror estado unidense, a qual foi uma falha completa neste país. Após abandonarem os curdos na Síria em 2018, noticiários começaram estimular e espalhar rumores que o governo americano e os terroristas do talibã estariam fazendo um acordo para cessar fogo. Acordo que se realizou em fevereiro do ano passado, em um encontro entre o então presidente dos EUA Donald Trump e o chefe dos talibãs no Afeganistão.


Nesta semana, o atual presidente Joe Biden anunciou a retirada das últimas tropas americanas do solo afegão, as quais seriam transportadas do aeroporto de Cabul até países vizinhos para depois irem aos EUA. A retirada dessas tropas fez com que acontecesse uma das maiores vergonhas políticas da história dos Estados Unidos, pois foi a par com a queda Saigon no Vietnã e a falha Invasão da Baia dos Porcos em Cuba.