Buscar

A Ciência do Sono


Porque seu sono é bem mais complexo do que um número - e porque nenhum sonho é pequeno



É comum ler em manchetes, panfletos e posts o número infinito deitado ao lado de uma recomendação padronizada. Dessa crença de um número exato de horas de sono tida como ssmeta, que atire a primeira pedra quem nunca olhou para o relógio no meio da noite pensando “se dormir agora, terei (insira aqui um número) horas de sono e não vou acordar bem”. Há quem se sinta confortável com esse tanto, mas a ciência vem mostrando que esse conforto vai muito além de quantidades.


As fases do sono: infinitos ciclos

Bem, talvez não tão infinitos - de quatro a seis, com exatidão. A entrada na terra dos sonhos se resume em quatro fases: três não-REM e uma REM. REM é uma sigla em inglês que significa Rapid Eye Movement, ou movimento rápido dos olhos. Cada uma dessas tem características neurais e níveis de profundezas de sono diferentes - para dar um exemplo particular, nesta última, a festa da criatividade abre: começam os sonhos e o sono intenso.