Buscar

A ascensão do conservadorismo nos Estados Unidos


Foto: Quirk Books


Estados Unidos, anos 60. Contracultura. Woodstock. Hippies e Beatles.


Ao contrário da crença popular, durante a década de 1960, a subcorrente do pensamento conservador ganhou muita força, principalmente entre os jovens.


A ideologia libertária e a do livre mercado estavam em ascensão.


Desde 1950 muitos começaram a se autodenominar libertários, estes, defendiam que o capitalismo não regulado e a autonomia individual eram a essência da liberdade americana. Consideravam o estado regulatório imposto pelo “New deal” como o real inimigo.


<